Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos Mudos

Desabafos Mudos

26/10/15

a propósito da redação do ENEM

 

Lembro-me de no ano passado, à noite, eu e mais três primas percorrermos as ruas do centro de Guarulhos à noite juntas. Estava de braço dado com a minha prima seis anos mais nova e passou um grupo de rapazes a chamarem-nos lésbicas e a dizerem um monte de outras coisas que não me ficaram na cabeça (até porque nem valia a pena). E eu, num impulso se formos a ver estúpido, virei-me e dei-lhe um mega beijo na cara e continuamos.


Depois lembrei-me que estava no Brasil, mais um bocado e levava um enxerto de porrada. Há quem tenha levado por menos.

 

25/09/14

da TPM e a aula de DG

Não se faz. Ninguém pode pôr uma pessoa sensível de TPM a escolher uma imagem que nos faça sentir algo para depois falar sobre ela. Mais um bocado e estava a chorar no meio da sala com saudades das princesas com quem tinha estado à dois dias!

 

A imagem que escolhi era de uma jovem a ler um livro a uma pequena com cerca de quatro anos, as duas deitadas e entretidas. Lá estava eu a falar dos meus primos, de como sou a mais velha e só recentemente surgiram meninas e como estou babada a vê-las crescer. Depois conheci os primos no Brasil, e as que são da minha idade e como adorei... se adorei.

 

Uma das coisas mais importantes da minha vida são mesmo os meus primos. Provavelmente porque vi todos a crescer, os cá de Portugal.

11/09/14

Daniela Mercury no aeroporto

Não sei porquê, mas só me lembrei disto agora. Acho que foi de só lembrar de quando virei a esquina e deixei de ver as minhas primas... Estávamos nós no aeroporto, na fila para despachar as malas quando vejo as duas a falar muito depressa a dizer 'ai que linda, quero tirar uma foto com ela' e eu: 'quem, quem?'. É aí que dizem que está ali a Daniela Mercury. E sempre a perguntar 'onde, onde?'. Acho que nunca lhes cheguei a contar que já cheguei a desviar-me da minha mãe na rua num passeio pequenino e nem percebi que era ela... até ela me chamar.

 

Realmente estava ali, à minha frente, a dois metros. Começa a A. 'olha prima, ela vai com você!'. Olhei para o ecrã que estava sobre a zona onde ela estava a despachar a bagagem e respondi logo 'não, não vai. Ela vai em executiva eu vou em económica'

 

{#emotions_dlg.lol}

22/08/14

quando chega ao fim é quando está a ficar bom

Disse-me uma tia quando se deu conta de que iamos passar apenas um mês no Brasil, aconselhando-me a aproveitar bem. Mas no meu caso piorou para o fim. Senti-me invisível nas saídas da minha prima com uma prima dela. Não encaixei. Fiquei para trás muitas vezes.

 

Não estou a dizer que as férias não foram boas, porque foram.  Muito, realizei um sonho. Mas senti-me triste e posta de parte quando me apercebi da situação.


Picoult, 25 anos, a espetar com tudo para aqui desde 2009.

it

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Sobre mim

Picoult, 25 anos, a espetar com tudo para aqui desde 2009.
Curiosa na multimédia, gosta de fotografia, apaixonada por gatos e já foi viciada em escrita.